Home
Introdução
Artigos
Avivamento
Curiosidades
Estudos Bíblicos
Edificação
Igreja Pedra Viva
Jóias Raras
Minhas Reflexões
Ministério Cristão
Novas de Alegria
Seleções Notáveis
Fale Comigo
Recomende
teste
Curiosidades
Enviar para um amigo | Versão para impressão | Voltar |  Recomendar
Super-nave sideral aproxima-se da terra
Pedro Liasch Filho

Procedendo de algum lugar do universo, desco­nhecido pelos cientistas, a maior e mais bela espaçonave jamais imaginada pelo ser humano foi vista em direção à terra, a uma velocidade ainda ignorada.

A misteriosa máquina sideral é tão extraordinariamente grande que se ela pousasse no Brasil tomaria rigorosamente 61% do território nacional. Abrangeria, a saber, um quadrilátero que começando em São Paulo, numa linha imaginária, passaria por Sergipe, Ilha de Marajó, Rondônia, e fecharia em São Paulo.

De conformação cúbica, a lanços reluzente, à se­melhança do cristal, essa incrível cosmonave possui as seguintes dimensões: tanto de largura quanto de cum­orimento e ainda de altura, ela mede em torno de 2.220 quilômetros. Isso corresponde conseguintemente a um cubo gigantesco cujos lados, tanto horizontais como verticais, teriam uma distância aproximada que vai de Santos, SP, a Aracajú, SE.

Para se ter uma idéia da extraordinária capaci­dade demográfica desse notável engenho espacial, bas­taria elevar a cifra 2.220 à terceira potência, e teremos como resultado o número: 10 trilhões, 941 bilhões e 48 mil quilômetros cúbicos.

Se imaginarmos nesse caso um edifício cujos apar­tamentos medissem 45 metros, tanto de largura como de cumprimento e ainda de altura, ou seja, tivessem exatamente 91 mil e 125 metros cúbicos, bem como considerando que se cada um desses apartamentos pudessem acolher em média cinco pessoas, essa maravi­lhosa astronave poderia abrigar folgada e conforta­velmente uma população astronômica, acima de 438 trilhões de pessoas, isto é, mais de 3 mil vezes a po­pulação que até hoje viveu neste planeta, estimada em 140 bilhões de seres humanos. Lembre-se, porém, de que ainda sobraria uma área de 27% do total da espaçonave que poderia ser destinada à circulação, in­tercomunicação etc.

Todavia não é somente a grandiosidade dimensional dessa magnífica cosmonave que impressiona a diminuta mente humana. O que verdadeiramente deixaria os mais eminentes cientistas terrenais espanto­samente confusos, são os materiais raros com os quais ela foi construída.

Intensamente iluminada, como se fosse uma pro­digiosa pedra de jaspe, transparente como cristal, essa supernave espacial foi elaborada com ouro puro, se­melhante ao vidro mais límpido de que jamais se ouviu falar. Não haveria obviamente algo mais lindo em todo o universo.

Possui 12 notáveis portas vestibulares, permanen­temente abertas, construídas inteiramente de pérolas, formando cada uma delas uma única pérola. Os fun­damentos da muralha que protege o convés, e que cir­cunda toda a espaçonave, foram ornamentados com os minerais mais nobres até hoje conhecidos, como, por exemplo, esmeralda, safira, crisólito, berilo, ja­cinto etc.

Assemelhando-se a um portentoso palacete cris­talino, esplendorosarnente belo, o fascinante veículo sideral possui também um admirável logradouro pú­blico, construído totalmente de ouro transparente. Todo grande edifício que se preze não deixaria de ter uma linda e bem cuidada praça de lazer: Este porém superou todas as expectativas.

Diante de tão grandiosa riqueza, não haveria em nossa moeda corrente tampouco em qualquer outra moeda do mundo, a mais forte que houver, nenhuma cifra monetária que pudesse representar o valor real dessa astronave. Certamente ultrapassaria milhares de ve­zes o valor de todas as riquezas existentes no mundo, quer minerais, patrimoniais.

Considerando que uma extraordinária máquina espacial de tão grande capacidade demográfica, à se­melhança de uma gigantesca cidade, jamais poderia ter sido concebida sem levar em conta a importância da água potável, bem como a indispensável vegetação, não é sem motivo que esse monumento interplanetá­rio inclui não somente um rio de águas cristalinas, como também um plantio de vegetais denominado “ár­vore da vida”, cuja folhagem serve para dar saúde aos seus habitantes.

Embora ainda ninguém saiba onde nem quando essa astronave pousará na terra, uma vez que também não se sabe a que distância ela se encontra de nós, bem assim, a que velocidade se aproxima deste plane­ta, é todavia notoriamente conhecido que o fantástico aparelho sideral foi visto pela primeira e última vezmais de 1900 anos.

De onde, quando, como e por quem tais notícias chegaram até nós? As respostas estão nos pergami­nhos sagrados. Segundo o livro das revelações, um certo líder cristão, conhecido como filho de Zebedeu, acusado pelos romanos de ter sido um dos seguidores do Nazareno, no ano 96 da nossa era, foi preso e exilado em Patmos, uma ilha vulcânica do arquipélago grego.

Levado posteriormente a um alto monte por uma torça misteriosamente poderosa, como se, na máquina do tempo, tivesse viajado para o futuro, o prisioneiro viu inexplicavelmente um fabuloso objeto espacial que o deixou extasiadamente perplexo. então que, as­sistido por um ser extraterrestre, ele obteve essas extraordinárias informações, bem corno a descrição nos mínimos detalhes a respeito da nova descoberta cosmonáutica.

Esse fabuloso engenho espacial, segundo o homem que teve o privilégio de conhecê-lo minuciosamente, não foi projetado para constituir duradouramente a moradia feliz de todos quantos entretempos tiveram suas vidas resgatadas pelo poder de Jesus Cristo – o Rei dos Reis e Senhor dos Senhorescomo também para servir de tabernáculo de Deus, com os homens, pois será a casa do Deus eterno e do Cordeiro de Deus.

Se você quiser obter mais esclarecimentos a respeito dessa incrível nave espacial, leia a Bíblia, ou mais precisamente o Apocalipse, capítulos 21 e 22.

Agora, se você deseja morar para sempre nesse casarão interplanetário, e coabitar com Deus e Jesus Cristo, e ainda com a multidão dos que foram remidos pelo sangue do Cordeiro, basta arrepender-se dos pecados, aceitar a Jesus Cristo como o seu salvador pessoal, e tê-lo como o seu Senhor.

Daí é segui-lo por toda a vida, ou até o fim dos tempos. “Na verdade, na verdade vos digo que quem ouve a minha palavra, e crê naquele que me enviou, tem a vida eterna, e não entrará em condenação, mas passou da morte para a vida” (Jo 5.24). “Porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna, por Cristo Jesus nosso Senhor” (Rm 6.23).

A vida eterna começa , na hora em que você se converte a Jesus Cristo. Ele próprio constitui a ressurreição e a vida (Jo 11.25). Ele veio para que todos tenham vida (Jo 10.10). Aque­le que não tem o filho de Deus não tem a vida (1Jo 5.12). Se por tanto você tem Jesus e, por conseguinte tem a vida, basta perseverar com ele até o fim, e a vida que ele lhe concede prolongar-se-á para sempre, nessa incrível moradia que Deus preparou para os cristãos fiéis de todos os tempos.

Enviar para um amigo | Versão para impressão | Voltar |  Recomendar