Home
Introdução
Artigos
Avivamento
Curiosidades
Estudos Bíblicos
Edificação
Igreja Pedra Viva
Jóias Raras
Minhas Reflexões
Ministério Cristão
Novas de Alegria
Seleções Notáveis
Fale Comigo
Recomende
teste
Edificação
Enviar para um amigo | Versão para impressão | Voltar |  Recomendar
O povo de cima
Pedro Liasch Filho

 

Em um desses conflitos raciais absurdos que acontecem pela África a fora dezenas de pessoas morreram e outras centenas ficaram feridas. Então, nos hospitais da região, os médicos e as enfermeiras, também racistas, prestavam bom atendimento para alguns doentes, desprezando, porém, os demais.

Certo homem que fora gravemente ferido, e que também estava sendo criminosamente rejeitado, observava curioso uma misteriosa enfermeira que, contrariando o procedimento das suas colegas, atendia a todos os doentes da mesma maneira, com a máxima atenção, e ainda com todo o carinho sem nenhuma discriminação.

Tão logo ela veio atender aquele homem, ele, admirado, não se conteve e lhe perguntou: Enfermeira, a que raça a senhora pertence? Surpresa, porém com a pergunta, ela de pronto respondeu: Eu sou do povo de cima.

Talvez nem tenha ele entendido o significado da resposta. Teria por acaso ouvido falar no tal povo de cima? Certamente não. O fato é que a enfermeira era cristã e estava querendo dizer que ela pertencia ao povo adquirido por Deus, à geração eleita, ao sacerdócio real, à nação santa.

Na verdade ela fazia parte do corpo de Cristo. Esse é o povo de cima, que fora chamado para anunciar as grandezas daquele que o resgatou das trevas e o colocou sob sua maravilhosa luz (1Pe 2.9).

“O qual se deu a si mesmo por nós para nos remir de toda a iniqüidade, e purificar para si um povo seu especial, zeloso de boas obras” (Tt 2.14).

Vós, que em outro tempo não éreis povo, mas agora sois povo de Deus; que não tínheis alcançado misericórdia, mas agora alcançastes misericórdia” (1Pe 2.10).

Enviar para um amigo | Versão para impressão | Voltar |  Recomendar