Home
Introdução
Artigos
Avivamento
Curiosidades
Estudos Bíblicos
Edificação
Igreja Pedra Viva
Jóias Raras
Minhas Reflexões
Ministério Cristão
Novas de Alegria
Seleções Notáveis
Fale Comigo
Recomende
teste
Avivamento
Enviar para um amigo | Versão para impressão | Voltar |  Recomendar
Senhor, manda-nos mais cobras
Pedro Liasch Filho

 

Certa ocasião, um pastor, convidado para pregar em minha igreja, contou-nos um caso que não só nos causou muito riso, mas também nos deixou bastante impressionados. Enfim, constitui a história uma grande lição espiritual.

Havia no interior do Estado de Minas cinco pessoas de uma mesma família, cujo chefe se chamava Davi. Eram crentes, e membros assíduos de uma certa igreja evangélica, há vários anos.

Ocorre que, passado algum tempo, o pastor notou que aqueles irmãos tinham abandonado a igreja. Vários esforços então foram feitos no sentido de restaurá-los e trazê-los de volta à comunhão dos santos, porém foi tudo em vão. A família toda continuou afastada da igreja.

Num certo dia, chega às pressas à casa pastoral uma pessoa apavorada pedindo urgência para falar com o pastor. Era o filho mais velho daquela casa, que, cansado e nervoso, mal podia falar. Enfim, com dificuldade disse o rapaz: Pastor: meu pai foi mordido por uma cobra venenosa. Ajude-nos. Eu e a minha família pedimos que o senhor venha logo orar pelo meu pai, pois ele já está passando mal. Mais que de pressa, o pastor se aprontou e foi com o rapaz até a sua casa.

Chegando lá, toda a família já estava reunida, ansiosa, esperando pelo pastor. O seu Davi, amedrontado, ofegante, desabafou: Pastor, eu estive conversando com meus filhos e minha esposa sobre algumas coisas que nos têm acontecido desde que deixamos de ir à igreja. Veja o que me aconteceu agora. Nós queremos voltar. Mas, por favor, ore por mim. Eu creio que Deus pode me curar. Eu e a minha família precisamos voltar para a igreja.

Aí, pedindo para que todos se ajoelhassem diante de Deus, o pastor orou: Senhor Deus, Pai de amor e de misericórdia, eu te peço: manda-nos mais cobras. Imagine-se a surpresa e o espanto daqueles irmãos, diante de tão inusitada oração, pedindo ao Senhor que mandasse mais cobras.

Ora, se as cobras, como no exemplo daquela família, fazem com que as ovelhas afastadas do aprisco celestial voltem para junto do Bom Pastor, a fim de se renderem aos seus amorosos cuidados, então que venham mais cobras. Com certeza foi essa a lógica do pastor.

Por fim orou também suplicando a Deus para que, em nome de Jesus, curasse o irmão Davi do mal daquele veneno, para que se cumprisse a Palavra (Mc 15.18), segundo a qual qualquer pessoa que vier a ser atingida por cobra venenosa ou beber coisas mortíferas, isso não lhe causaria dano algum. E assim foi. O irmão Davi foi curado, e toda a família restabelecida na casa de Deus.

Sabes, pois, no teu coração que, como um homem castiga a seu filho, assim te castiga o Senhor teu Deus. E guarda os mandamentos do Senhor teu Deus, para andares nos seus caminhos e para o temeres”. Dt 8.5, 6.

 “Filho meu, não rejeites a correção do Senhor, nem te enojes da sua repreensão. Porque o Senhor repreende aquele a quem ama, assim como o pai ao filho a quem quer bem” (Pv 3.11, 12).

Eis que bem-aventurado é o homem a quem Deus repreende; não desprezes, pois, a correção do Todo-Poderoso” (Jó 5.17).

Enviar para um amigo | Versão para impressão | Voltar |  Recomendar